Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2010

Dalva Frango Frito

Eu sabia que ela era loira e tinha acabado de ganhar uma premiação de Miss numa cidade do interior de Goiás. Eu também sabia que ela foi o pivot da separação dos meus pais, motivo pelo qual eu tinha rancor e até uma porção generosa de ódio por aquela moça. Eu dizia pra minha família que iria matá-la quando a conhecesse, e por mais que as pessoas tentassem aplacar os meus sentimentos revoltados de adolescente de 11 anos, eu seguia adiante com minha raiva e queria mesmo dar umas bofetadas nesta loira que levou meu pai pra longe de casa.
Mas eu não tenho coragem de matar um mosquito. Muito menos uma Miss. E me portei educadamente quando meu pai apresentou sua nova namorada para minha irmã e eu. Aconteceu tudo muito rápido, ele queria nos apresentar sua loira no dia seguinte à assinatura dos papeis do divórcio, mas minha mãe intercedeu e pediu que ele tivesse um pouco de compaixão com nosso sofrimento (inclusive com o dela), e nos apresentasse à sua namorada depois de algum tempo.
Isto ac…