Pular para o conteúdo principal

Lanchinho no hotel ~ Eating a self made snack at the hotel room


Que atire a primeira baguete quem nunca comprou alguns ingredientes no supermercado e preparou um lanchinho no quarto de hotel!
Se não foi o pão e o presunto, pelo menos a água mineral mais barata você deve ter comprado no supermercado... Ou o refrigerante... Ou a batata Pringles...  
Me recuso a acreditar que sou a única turista farofeira a fazer essas coisas... 
Hum, está se lembrando de algo? Ao invés de consumir aquele chocolate caro que o hotel exibia encima do frigobar, achando que você é besta, você comprou um igualzinho na rua e comeu no quarto de hotel?!? 
Bate aqui, somos do time das pessoas normais!
Vários motivos nos levam a comprar coisas fora do hotel para consumir dentro do quarto. Podemos ser motivados pela economia, pela praticidade, alguns pela restrição alimentar, outros pela preguiça de sair pra comer... Cada turista tem seu motivo. 
Eu tenho vários, a começar pelo instinthus farofeyrus que carrego dentro do peito kkkkkkkk.
Brincadeiras à parte, o que mais me motiva a comprar bebidas e alimentos fora do hotel e consumir dentro do quarto é economizar mesmo. Sei que hotéis monetizam com o consumo interno dos hóspedes, e não há absolutamente nada de errado com isso. Mas quando eu posso pagar mais barato pelo mesmo produto, eu não titubeio.
O segundo motivo é a simples vontade de consumir produtos que são ofertados em mercados, supermercados ou vendinhas. Ao invés de comer na rua, levamos os produtos para comer no quarto do hotel. Simples assim.
Quando estivemos na Itália, em nossa lua de mel, fizemos um lanche muito bacana no quarto da vinícula em que nos hospedamos. 
Era época de colheita, e as uvas brancas estavam incrivelmente grandes e doces. Abri a bolsa e colocamos a maior quantidade possível de uvas dentro dela. Levamos as uvas sequestradas para o quarto. 
Fizemos os passeios do dia e, antes de voltar para o hotel, passamos no supermercado. Quase enlouquecemos com tantos pães, queijos, presuntos e embutidos de altíssima qualidade e preço muito acessível. Ah, nenhum jantar de hotel seria mais top do que um sandwiche de presunto de parma, queijo produzido localmente e aquela foccaccia... Pra arrematar, compramos também azeite, manteiga e um vinho Chianti.
Preparei nosso banquete sobre a cômoda e fizemos uma memorável refeição, farta de todos os ingredientes que queríamos consumir naquele dia. De sobremesa: as uvas colhidas pela manhã. Isso sim é chique!

Às vezes o lanchinho no quarto do hotel não é só questão de economia, é também uma maneira descomplicada de consumir e saborear produtos locais quando a fome bate. 
Agora me conta o que você apronta nas suas viagens, vai!!! Rola lanchinho no quarto?

♥  ♥  

Comentários

  1. Hummm, também faço isso... principalmente quando vou para São Paulo! No hotel que costumo ficar, tem uma mesinha redonda e uma bancada sobre frigobar com uma chaleira eletrica . Sou viciada em chá mate com açúcar(quando estou cansada) e o preto sem açucar(para degustar geleias), só que: as pessoas costumam colocar no mesmo recipiente, aquelas malditas caixinhas com divisorias que fazem todos os chás ficarem com o mesmo sabor! Isso me deixa muito contrariada, dai, saio para comprar, por sorte, tem um supermercado do Pão de Açúcar(maravilhoso), onde compro tudo para um chá da tarde... fico lá curtindo o meu chazinho e minhas revistas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Heloisa!
      Eu, por conhecer tão pouco do mundo dos chás, misturava todos na mesma gaveta... Aprendi com seu comentário!
      Pelo visto sua rotina em SP já envolve uma passadinha no pão de açúcar pra comprar chás! Isso dá ainda mais sentido e intimidade a viagem :)
      Bjo

      Excluir
  2. Hahaah fazemos isso o tempo todo, especialmente em hotéis q cobram o café da manhã extra.

    ResponderExcluir
  3. Menina,
    Sempreeeee!!!
    Toca aqui guriaaa!
    Seu panquete tá lindo.
    Beijos amada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk tô vendo que o lanchinho no hotel é unanimidade aqui na blogosfera :)
      beijos Dani!

      Excluir
  4. Com certeza rola lanchinho no quarto, hihihi :-) E viva o instinthus farofeyrus :-D
    Beijocas, e boa semana!!
    Angie

    ResponderExcluir
  5. uhu, quer dizer que você é da turma da farofa também?! bate aqui!
    fazemos isso demais! eu acho uma questão abusiva o quanto que se cobra nos quartos de hotéis por uma garrafinha dágua, chocolates, etc...é tudo sempre muito caro. então acho mais que justo farofar. a propo, ficou show a mesa de vocês. imagina só o quanto teria sido caro se fosse pelo preço do hotel!

    beijooo

    ResponderExcluir
  6. ahh minha nega, sou mulher de alemao, esqueceu? o povo que mais poupa no mundo ;-)
    mas nao, assim lindamente (como tudo o que tu faz!) nunca fiz, mas água, cerveja e vinho (sempre)e biscoitinhos para o Pedrinho!
    Acho um abusurdo os precos cobrados no quarto de hotel!

    ResponderExcluir
  7. Marcia que legal que vc faz lanchinhos, acho que quase todo mundo faz tambem. Mas olha, os meus nunca ficaram assim tao lindos como esse seu! rsrsrs Beijo!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Aproveite a paisagem e deixe um comentário! Enjoy the landscape and leave me a comment ♥

Postagens mais visitadas deste blog

Festa na floresta ~ A pink safari party

Fim de semana passado foi a vez da mais nova integrante da família celebrar seu aniversário. Nathália, minha sobrinha e afilhada, completou 2 aninhos de idade numa festa pra lá de linda. Os bichinhos da floresta vieram em peso pra festa porque o tema da decoração era um "Safari Rosa". Tigresas, elefantes, girafas, macaquinhas e outros "animais" enfeitaram o salão com uma graciosidade pensada nos mínimos detalhes. As samambaias, árvores e folhas trouxeram o clima acolhedor da floresta, ao passo que os balões rosa e a forração com print animal deram um tom feminino da decoração. ♥ Last weekend my niece Nathália celebrated her birthday. Her party was planned under the motto "Pink Safari", and every detail was nicely thought and done to match some kind of a girly forest. I shall explain to my foreign readers that kid's parties can be big events in Brazil. In terms of planning, size and budget, kid's parties can be compared with small weddings. You wil…

As namoradeiras de janela ~ Brazilian folk art

Português/English Reza a lenda que as esculturas das namoradeiras retratam as moças de antigamente que se debruçavam na janela em busca de um namorado, já que suas famílias eram conservadoras e as privaram de sair de casa para conhecer rapazes. 
Com um braço apoiado na janela e o outro segurando o rosto, as namoradeiras representavam nitidamente uma espera - a espera pelo grande amor de suas vidas.  Privadas da liberdade, as namoradeiras caprichavam no visual para atrair bons partidos. Os lábios carnudos, os decotes sensuais e os olhares sonhadores eram as armas de sedução das namoradeiras.  Embalados pela lenda e pelas armas de sedução femininas, artesãos de todo o Brasil reproduzem esculturas de namoradeiras belíssimas.  Algumas esculturas têm um olhar doce e sonhador, outras têm um olhar capcioso, quase pecaminoso. É a arte imitando a vida... ♥♥♥ Once upon a time Brazilian girls brought up in the countryside were forbidden by their strict parents to go out and flirt with boys. Left w…

Fotos pulando ~ Jumping pictures

Fotografia é expressão. Fotografia é registro. Fotografia é diversão.  Além de gostar de fotografar, edito livros de fotografia que retratam, na maioria das vezes, viagens.  E através das fotos eu percebo que as pessoas têm um certo padrão na hora de fotografar, padrão que se reflete nas poses preferidas, ou até mesmo, nas poses "caricatas".  A pose caricata do meu irmão é hilária: ele se deita nos bancos das praças, como se estivesse dormindo, e pede para alguém fotografar a cena. Não há uma viagem sequer que ele não fotografe um "soninho fingido" no banco da praça, kkk.
Outra amiga-cliente ama fotografar, juntamente com o namorado, a pose do "cavalinho" das quadrilhas. Eles juntam as mãos e saem em disparada, dando pequenos pulinhos... Dá pra imaginar a cena em frente ao Coliseu na Itália? A foto ficou um colosso!
Minha irmã gosta de posar para fotos com o pescoço levemente jogado para a direita. Minha mãe geralmente coloca as mãos na cintura. Já a cria…