Pular para o conteúdo principal

Velhos jardins, novos olhares ~ Old gardens, new approaches

A correria do trânsito (e da vida) me tirou a oportunidade de observar com mais sensibilidade um pequeno canteiro florido que existe indiferente a olhares e pouco se importando com a valorização de sua grandeza. 
Mas foi o mesmo trânsito - dessa vez parado - que me possibilitou um momento de contemplação a esse canteiro florido pela janela do carro. Percebi naquele pequeno espaço de terra uma riqueza enorme de cores, todas oriundas de uma mesma espécie de flores: os crisântemos, notoriamente conhecidos pela fartura de pétalas. 
Decidi que se o sábado amanhecesse ensolarado, tiraria minha máquina fotográfica do ostracismo e faria algumas fotos no canteiro.
Eis que o sabadão nasceu ensolarado e aproveitei a luz da manhã pra fazer as fotos. 
Olhado de longe, aquele canteiro parece um amontoado confuso de flores - algumas já secas e outras ainda desabrochando.
Olhado de perto, aquele canteiro é uma explosão de vida, um oásis de cores, uma ceia farta de cenas suaves e delicadas.  
Me embrenhei dentro do canteiro e fiquei um tempo agachada lá - parecendo uma doida varrida depositando necessidades básicas - mas pouco me importando com a leitura dos transeuntes e motoristas. Eu queria que a natureza se acostumasse com minha presença - e eu com a presença da natureza. E dessa aproximação surgiram cenas lindas... 








Tudo é questão de ajustar as lentes da alma, não é?
Para conseguir observar novas belezas nos lugares de sempre.


"A flor do sentimento cresce
Onde nada vingaria
Num coração deserto
Ou na escuridão de um dia
Breve flor tatuada
No coração de quem espera
Durador o inverno
Frágil primavera"

~ Márcio Faraco
♥  ♥  

Comentários

  1. Realmente! Deviamos lançar um programa: " tire ferias e fique na sua cidade, mas, como um turista e veja o que descobre!"

    ResponderExcluir
  2. Que fotos lindas, querida! Eu amo os crisântemos! Que maravilha você encontrar esse mar de rosas, embora pequeno, no seu caminho. Eu não vejo a hora das flores desabrocharem por aqui e ver tudo ganhar mais vida. Eu amo observar detalhes por onde passo e flores sempre chamam minha atenção. Fez certo demais levar a câmera pra passear, as fotos ficaram lindíssimas!
    super beijo
    Ana

    ResponderExcluir
  3. Welcome to Germany, Márcia & hubby of Márcia! ;-)

    Take some warm jackets with you to Europe - we are still at the end of winter somehow!!! I'm going to travel to Paris with my sweetheart soon, so no chance to meet in my homecountry!
    Whereever you travel (Bamberg, Rothenburg, ... maybe???) - enjoy your trip through Germany as good as possible - and I'm looking forward to see some of your photos thereafter on your blog!
    All the best for you nd your hubby and - HAPPY EASTER!
    Uwe.

    ResponderExcluir
  4. Tuas lentes continuam focadas lindamente na beleza...

    ResponderExcluir
  5. Oi Marcia, tudo bem? Que fotos maravilhosas!!! Amo fotos com flores e paisagens :) bjiimm

    www.colorindoavidaa.com
    FAN PAGE

    ResponderExcluir
  6. Eu tbm não me canso de admirar essas belezas, por aqui parece que a primavera chegou pra valer.
    Abraços !

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Aproveite a paisagem e deixe um comentário! Enjoy the landscape and leave me a comment ♥

Postagens mais visitadas deste blog

Festa na floresta ~ A pink safari party

Fim de semana passado foi a vez da mais nova integrante da família celebrar seu aniversário. Nathália, minha sobrinha e afilhada, completou 2 aninhos de idade numa festa pra lá de linda. Os bichinhos da floresta vieram em peso pra festa porque o tema da decoração era um "Safari Rosa". Tigresas, elefantes, girafas, macaquinhas e outros "animais" enfeitaram o salão com uma graciosidade pensada nos mínimos detalhes. As samambaias, árvores e folhas trouxeram o clima acolhedor da floresta, ao passo que os balões rosa e a forração com print animal deram um tom feminino da decoração. ♥ Last weekend my niece Nathália celebrated her birthday. Her party was planned under the motto "Pink Safari", and every detail was nicely thought and done to match some kind of a girly forest. I shall explain to my foreign readers that kid's parties can be big events in Brazil. In terms of planning, size and budget, kid's parties can be compared with small weddings. You wil…

As namoradeiras de janela ~ Brazilian folk art

Português/English Reza a lenda que as esculturas das namoradeiras retratam as moças de antigamente que se debruçavam na janela em busca de um namorado, já que suas famílias eram conservadoras e as privaram de sair de casa para conhecer rapazes. 
Com um braço apoiado na janela e o outro segurando o rosto, as namoradeiras representavam nitidamente uma espera - a espera pelo grande amor de suas vidas.  Privadas da liberdade, as namoradeiras caprichavam no visual para atrair bons partidos. Os lábios carnudos, os decotes sensuais e os olhares sonhadores eram as armas de sedução das namoradeiras.  Embalados pela lenda e pelas armas de sedução femininas, artesãos de todo o Brasil reproduzem esculturas de namoradeiras belíssimas.  Algumas esculturas têm um olhar doce e sonhador, outras têm um olhar capcioso, quase pecaminoso. É a arte imitando a vida... ♥♥♥ Once upon a time Brazilian girls brought up in the countryside were forbidden by their strict parents to go out and flirt with boys. Left w…

Fotos pulando ~ Jumping pictures

Fotografia é expressão. Fotografia é registro. Fotografia é diversão.  Além de gostar de fotografar, edito livros de fotografia que retratam, na maioria das vezes, viagens.  E através das fotos eu percebo que as pessoas têm um certo padrão na hora de fotografar, padrão que se reflete nas poses preferidas, ou até mesmo, nas poses "caricatas".  A pose caricata do meu irmão é hilária: ele se deita nos bancos das praças, como se estivesse dormindo, e pede para alguém fotografar a cena. Não há uma viagem sequer que ele não fotografe um "soninho fingido" no banco da praça, kkk.
Outra amiga-cliente ama fotografar, juntamente com o namorado, a pose do "cavalinho" das quadrilhas. Eles juntam as mãos e saem em disparada, dando pequenos pulinhos... Dá pra imaginar a cena em frente ao Coliseu na Itália? A foto ficou um colosso!
Minha irmã gosta de posar para fotos com o pescoço levemente jogado para a direita. Minha mãe geralmente coloca as mãos na cintura. Já a cria…